Foto: Estadão

Vasco e Boavista jogam hoje (09) pela terceira fase da Copa do Brasil, quem vencer se garante nas oitavas-de-finais e ainda levará R$ 2,7 milhões. O Vasco joga apenas por um empate, já o time de Saquarema precisa vencer por no mínimo 2 gols de diferenças para se classificar de forma direta. 

O duelo entre duas equipes cariocas não é novidade na Copa Brasil, muito pelo contrário. Já houve confrontos entre dois times do Rio de Janeiro em praticamente todas as fases da competição, inclusive nas finais. Nós separamos todas as edições em que houveram ao menos 1 confronto entre eles, confere ai: 

* A primeira edição com mais de 2 clubes do Rio de Janeiro ocorreu em 1996. Edição de 2000 - O ano 2000 reservaria o primeiro confronto da história entre dois times cariocas, quem deu o ponta pé na história foram Vasco e Fluminense, com o tricolor das Laranjeiras levando a melhor. Após dois empates (1 a 1 e 2 a 2), o Fluminense se classificou pelo gol fora, que ainda era critério de desempate naquela altura. O segundo jogo e decisivo em São Januário foi bem movimentado, com chances claras para os dois lados, porém o resultado não foi para o Gigante da Colina que parou ali na competição. O resultado negativo desse jogo custou o trabalho de Abel Braga, que foi demitido logo em seguida. 

Edição de 2004 - O ano de 2004 trouxe algo jamais visto para o interior do Rio de Janeiro e algo que não era comum entre as equipes "menores" do futebol carioca. Pela primeira vez na história da competição, uma equipe de fora do grupo dos 4 grandes avançava até as oitavas de final. Feito realizado pelo Americano, que após eliminar e golear o Sergipe em pleno Batistão (casa do Sergipe) por 4 a 1, ainda viria a eliminar o tradicional e campeão Sport Recife. Após vencer no Godofredo Cruz por 2 a 1, o time de Campos segurou um 0 a 0 na Ilha do Retiro e chegou até as oitavas, onde seria eliminado pelo 15 de Novembro. 

Edição de 2006 - Não existiu edição mais carioca que a do ano de 2006. A começar pelo Volta Redonda, que surpreendeu a todos e chegou nas quartas de final após eliminar o tradicional e campeão Athlético Paranaense e o América MG, este último nos pênaltis. O time do Sul Fluminense ainda viria a eliminar o próprio 15 de Novembro, que havia eliminado o Americano há 2 anos. Com uma campanha histórica, o Voltaço acabou chegando nas quartas de final, onde nenhum outro clube dos chamados "menores" chegou até hoje. O adversário seria o Vasco. A campanha era impressionante e parou por ai, o Voltaço veio a ser eliminado pelo cruzmaltino, que enfrentaria outro carioca, o Fluminense. Em dois jogos bem movimentados, o Vasco devolveu a derrota sofrida em 2000 e se classificou diante do tricolor. Na outra chave tinha o Flamengo, que também se classificou e decidiu a primeira e única final de Copa do Brasil entre cariocas até hoje. O rubro-negro venceu seus dois jogos e se sagrou campeão pela segunda vez. 

Edição de 2009 - O Americano figurou novamente entre as surpresas da competição. Dessa vez, o alvinegro campista eliminou o tradicional Santa Cruz após vencer os dois jogos, com isso, o time de Campos chegava a 2ª para enfrentar o Botafogo valendo uma vaga nas oitavas. Após cada time vencer em seus domínios pelo mesmo placar (2 a 1), o jogo foi para os pênaltis e o time do interior se classificou. O Americano converteu todas suas cobranças, diferente do Fogão, que ficou pelo caminho e se despediu da competição. O Americano viria a ser eliminado logo na fase seguinte, pela Ponte Preta. 

Edição de 2013 - A edição do ano de 2013 reservaria apenas um encontro entre cariocas, porém inesquecível para os rubro-negros. O time da gávea viria a enfrentar o Botafogo nas quartas de finais e, após um empate por 1 a 1 entre as equipes, o Flamengo goleou o Botafogo por 4 a 0. O Flamengo viria a se tornar campeão naquele ano. 

Edição de 2014 - Seguindo a sequência após 2013, no ano de 2014 também houve apenas um confronto. Dessa vez, sendo realizado logo na primeira fase. Vasco e Resende decidiram uma vaga na fase seguinte, com o cruzmaltino levando a melhor. Em um jogo com poucas emoções, o gol de pênalti de Douglas deu a classificação ao time de São Januário, que venceu por 1 a 0. 

Edição de 2015 - Pela terceira vez consecutiva, duas equipes do Rio de Janeiro fariam um confronto na Copa do Brasil, mais uma vez, teríamos um clássico dos milhões. A final de 2006, agora, seria repetida nas oitavas, e dessa vez teria um vencedor diferente. Após vencer o primeiro jogo, o Vasco se classificou após um empate de 1 a 1 com os rubro negros. Com isso, o Flamengo se despediu da competição nas oitavas, enquanto o Vasco viria a ser eliminado na fase seguinte, pelo São Paulo. 

Edição de 2017  - Com um intervalo de 1 ano, a Copa do Brasil nos traria um confronto carioca novamente. Após 4 anos, o Botafogo teve a chance de se vingar do Flamengo pela eliminação de 2014, porém quem levou a melhor foram os rubro negros, novamente. Com gol solitário de Diego após empate no primeiro jogo, o Flamengo viria a vencer o Glorioso e se classificar para a final daquele ano. 

Edição de 2020 - 2020 reservou até então, um clássico que ainda não havia acontecido. Botafogo e Vasco se enfrentariam por uma vaga nas oitavas de final. O Glorioso segurou a vantagem da vitória no primeiro jogo em São Januário no segundo round e se classificou para a fase seguinte. 

E agora, 2021. Vasco e Boavista jogam por uma vaga nas oitavas de final. O Vasco venceu o primeiro jogo por 1 a 0 e precisa apenas de um empate. Será que o Gigante da colina irá segurar a vantagem ? Ou o verdão de Saquarema irá surpreender no caldeirão? Essa história será decidida hoje (09) às 16h30min. 

Texto de Murilo Azevedo

Matéria publicada em 09/06/2021 às 07:25

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.