Foto: Nathan Diniz

O Itaboraí Profute recebeu o Tigres do Brasil no Estádio Joaquim de Almeida Flores, em Nilópolis, pela quinta rodada do segundo turno. Uma vitória era muito importante para a equipe continuar viva na briga pela classificação para a fase semifinal do segundo turno da Série B2, porém não foi isso que aconteceu.

Na primeira etapa, os mandantes começaram com tudo, pressionando a Fera da Baixada. Logo nos primeiros 15 minutos, o Profute teve três grandes chances: a primeira com Lelê aos 15, em finalização para fora, depois Gabriel Buscapé chutou e a conclusão foi bem defendida pelo goleiro Airon. E por último, Bitoca finalizou fraco após receber bom passe de Buscapé.

O Tigres até deu uma resposta em uma boa finalização de Hector, de fora da área, mas novamente o Itaboraí Profute atacou e dessa vez abriu o placar. Ruan avançou pela direita, lançou Buscapé, que entrou em diagonal na área e bateu cruzado, no canto do goleiro do Tigres. 1 a 0 para o Profute.

Depois do gol, o Itaboraí relaxou e deu espaços para o Tigres crescer na partida. Primeiro Lucas Adão deu um bom arremate ao gol para a defesa do goleiro Thiago. Na sequência, quando o relógio marcava 39 minutos, o time caxiense empatou: Allan Barreto recebeu cruzamento da direita e mandou para o gol, sem chances para Thiago, empatando a partida em 1 a 1.

No segundo tempo, a Fera da Baixada continuou tendo um maior poderio ofensivo após o gol de empate e não demorou muito para virar o jogo. Após cobrança de lateral pela direita, a bola foi cruzada para a área. A zaga do Profute afastou mal e Everton Bokka emendou de primeira, mandando no cantinho para fazer 2 a 1 pra o Tigres.

O Itaboraí Profute sentiu os gols, tinha dificuldade para reagir e cometia erros na defesa. Com isso, o Tigres não teve dificuldades para marcar o terceiro. A zaga do Profute saiu jogando mal e o Tigres recuperou logo a bola numa dividida. A sobra ficou com Allan Barreto que fez lançamento para Lucas Adão fazer o terceiro gol.

Nos instantes finais o Itaboraí até tentou esboçar uma reação em chute de Cruz, defendido pelo goleiro, e em uma conclusão  de Japão que foi para fora. 

Já o Tigres perdeu duas boas chances de ampliar, primeiro com Allan Barreto, que foi o maestro do time na partida. O atacante deu um belo drible, deixando o zagueiro adversário no chão. Bateu para o gol, mas Thiago defendeu. E aos 44 do segundo tempo, Pedrinho lançou Lorran que na hora de finalizar, chutou fraquinho.

Com a vitória, o Tigres chega a 13 pontos e assume a liderança do Grupo B. Vale à pena ressaltar que a equipe ganhou força no segundo turno, muito por conta das contratações que fez. Quatro desses reforços que chegaram, estão no time titular: Jefferson (Lateral Esquerdo, ex-Olaria) e Jonathan (zagueiro, ex-futebol italiano), além de Custódio (meia, ex- Atlético Cajazeiras, da Paraíba) e Allan, atacante (ex-Olaria). Alguns outros atletas contratados também têm ajudado o time entrando no decorrer das partidas.

O técnico português João Mota, também recebeu um reforço fora das quatro linhas: o auxiliar técnico André Anastácio, também luso, que veio dos Emirados Árabes. Mota analisou o desempenho da Fera da Baixada na Taça Waldir Amaral:

"O que aconteceu na verdade foram duas situações. A primeira é que no primeiro turno nunca conseguimos jogar com dois zagueiros de origem e isso aconteceu na fase de assimilação de processos. O grupo estava em formação constante. No segundo turno, reforçamos ligeiramente a equipe, mas acima de tudo aconteceu uma mudança dos nossos processos, nos vários momentos do jogo especialmente na organização defensiva. Começamos a ser mais rigorosos nas transições e mais agressivos ofensivamente. Esperamos conseguir o acesso que é o nosso objetivo, temos adversários de grande valor, mas acredito nos meus jogadores e no compromisso de todos em prol do nosso objetivo", disse.  

O Itaboraí Profute estacionou nos 6 pontos e vê a classificação um pouco mais distante, pois ocupa a quinta posição do Grupo A. Além disso, precisa ficar atento à classificação geral, pois com a derrota, entrou na zona de rebaixamento. É o décimo terceiro com 10 pontos e está a 3 do Queimados, que é o primeiro fora do Z4.

Pela sexta rodada, o Profute enfrenta o Barra Mansa, no Estádio do Trabalhador, na próximo sábado (09), às 15h. O Tigres do Brasil, enfrenta o Queimados, no mesmo dia e horário.

Texto de Pedro Sodré
Matéria publicada em 07/01/2021 às 17:17


 

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.