Foto: Luis Miguel

Após uma boa campanha no Campeonato Carioca, com recorde de invencibilidade, era de se esperar que o Madureira fizesse pelo menos uma campanha digna na quarta divisão do Campeonato Brasileiro. Em quatro jogos pelo Grupo A7, onde também estão os cariocas Boavista e Bangu, o Madura soma 6 pontos e ainda está invicto na competição, tendo sofrido apenas 2 gols. Os bons números defensivos certamente evidenciam o bom trabalho tático do técnico Alfredo Sampaio, mas também se devem muito às atuações de um jogador em especial: o goleiro Lucão. 

Com experiência passada na base do Madureira e também nos profissionais, Lucas Barros Andrade, o Lucão, ainda não havia se firmado como o goleiro titular da equipe. Teve oportunidades esporádicas, mas ainda faltava sequência ao jovem goleiro de 24 anos. No estadual deste ano, por exemplo, Felipe Lacerda foi titular na maioria das partidas, com Lucão começando apenas em duas (contra Nova Iguaçu e Resende), em que não sofreu gols. Agora, com sequência como titular, o goleiro vem se firmando cada vez mais como um dos principais nomes do time. 

“Graças a Deus todas as vezes que tive oportunidade no profissional fui muito bem, mas sem dúvidas esse é um momento especial para mim porque venho tendo uma seqûencia de jogos. Para um goleiro isso é essencial. Venho amadurecendo e crescendo muito nessa sequência e trabalhei firme há muito tempo para este momento. Agradeço ao professor Alex Brandão (preparador de goleiros) pela excelência na preparação e aos meus companheiros de posição, Davi e Guilherme, pelo ótimo ambiente que criamos no nosso dia a dia”, comentou o goleiro. 

Na partida contra o Cianorte-PR, no último domingo, Lucão foi o nome do jogo, fazendo inúmeras defesas difíceis. A fase invicta do Madureira também passa pelo bom trabalho de Alfredo Sampaio, técnico da equipe, a quem Lucão rasga elogios: “Nós trabalhamos muito nossa parte defensiva no dia a dia com o Alfredo e toda a comissão técnica. Somos um time jovem, mas muito comprometido taticamente, sabemos da importância de um time forte defensivamente”. 

Apesar da invencibilidade e do bom sistema defensivo, o Madura vem tendo um problema: empata muitos jogos. Dos quatro disputados até aqui na Série D, venceu apenas um e empatou três. Para se firmar de vez como um dos líderes do grupo (atualmente é o vice-líder, atrás do Boavista), o time do goleiro Lucão procura manter a consistência defensiva e melhorar o aproveitamento ofensivo para que as vitórias venham naturalmente. 

“Sabemos que é uma competição muito difícil, com times muito fortes. Nossa chave está muito equilibrada, com muitas equipes empatando. Precisamos dar sequência no bom trabalho que estamos realizando e as vitórias virão no tempo certo”, completa Lucão. 

Texto de Victor Leal 

Matéria publicada em 30/06/2021 às 15:45

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.