Foto: Divulgação / CBF

A Seleção Brasileira entrou em campo na noite de ontem contra a Seleção do Peru fora de casa, no Estádio Nacional do Peru.

Diferente da 1ª partida, a seleção iniciou com dificuldades e tomou o 1º gol após chute de fora da área de Carrillo, logo aos 6 minutos da 1ª etapa. O Brasil manteve domínio da posse de bola por toda a partida, mas encontrava dificuldades para finalizar, até que aos 28 minutos, Neymar foi puxado dentro da área e sofreu pênalti, ele mesmo cobrou e empatou a partida, resultado que se manteve até o final da 1ª etapa. No início da 2ª etapa a seleção peruana chegou a pressionar o Brasil, e novamente em um chute de fora da área a seleção do Peru acabou marcando o 2º gol, Tapia foi o autor do gol, dessa vez contando com desvio em Rodrigo Caio, tirando qualquer possibilidade do goleiro Weverton defender. Depois de sofrer o 2º gol, Tite mexeu no time, a equipe logo mostrou melhoras, Everton Cebolinha e Everton Ribeiro mudaram a partida e deram mais velocidade ao ataque verde e amarelo. Richarlyson empatou para a seleção aos 19 da 2ª etapa e a partir daí, só deu Brasil, os ataques eram sempre perigosos, fazendo a defesa peruana correr muito atrás da seleção. Neymar marcou o seu 2º gol da noite em novo pênalti marcado, o craque brasileiro teve muita calma nas duas cobranças para converter as oportunidades em gol. E para fechar a goleada fora de casa, após bela trama pelo lado direito entre Everton Ribeiro e Cebolinha, o meia flamenguista chutou na trave, a bola sobrou livre para Neymar apenas empurrar para as redes e dar números finais a partida. Peru 2 x 4 Brasil.

É o 3º hat-trick de Neymar com a camisa da seleção brasileira, além da partida de ontem, o atacante já marcou 3 contra a África do Sul em 2014 e contra a China no ano de 2012. Noite especial para o atacante que supera o número de gols de Ronaldo Fenômeno e chega aos 64 gols pela seleção, Neymar já é o 2º maior artilheiro da seleção, atrás apenas de Pelé, com 77 gols.

A seleção Brasileira retorna a campo pelas eliminatórias no dia 12/11 contra a Venezuela no Estádio do Morumbi, em São Paulo.


Texto de Caio Bezerra

 Matéria publicada em 14 de Outubro de 2020, ás 12:05.

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.