A ideia de internacionalizar a marca do clube é muito atrativo para os dirigentes e conselheiros do Flamengo, a diretoria rubro-negra vê com muitos bons olhos a aquisição de um clube europeu, mais especificamente, português. O projeto apresentado pelo vice-presidente de finanças do clube, Rodrigo Tostes, não citou nomes de clubes, entretanto, segundo informações que circula em diversas mídias esportivas é que o clube mais bem encaminhado seja o Tondela, da cidade de Tondela, sede de concelho, do distrito de Viseu, província da Beira Alta, região do Centro e sub-região Viseu Dão-Lafões. a equipe atualmente ocupa a 14º posição da Liga Portuguesa.

Torcida do Tondela. Foto: Divulgação

  Embora muito se fale da expansão da marca, o projeto tende a explorar outros objetivos, como a utilização do clube como vitrine para jovens promessas da base rubro-negra. Outros objetivos são financeiros, como o aumento 150 milhões no patrimônio do clube e também existe a observação do clube carioca nos direitos televisivos da liga portuguesa, o contrato atual da Liga Portuguesa se encerra em 2027/2028, e há expectativa de aproveitar esta janela para incrementar a receita, caso o projeto avance como esperado. 

  Uma das preocupações do projeto é com os possíveis endividamentos em euro que pode desiquilibrar as finanças do clube e por isso existe o objetivo da busca de assinar com um banco, a expectativa é que seja acertado com o Banco BTG,  um banco de investimento brasileiro, especializado em capital de investimento e capital de risco, além da administração de fundos de investimento, de gerenciamento de patrimônio, e de ativos globais.

 De acordo com investidores que já tiveram contato com o clube, a ideia é levantar 50 milhões de euros (cerca de R$ 307 milhões), segundo a matéria do GE.


Texto de João Victor

Matéria publicada em 04/09/2021, ás 19:20

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.