Foto: Márcio Alves (Agência O Globo)


O presidente do Olaria, Augusto Pinto Monteiro, morreu nesta sexta-feira, aos 72 anos, em decorrência do novo coronavírus.

Pintinho havia testado positivo para a doença no final de novembro e desde o dia 22 estava internado em estado grave na Clínica Balbino, em Olaria, logo após passar mal. Em seguida, teve complicações pulmonares (uma das maiores sequelas deixadas pelo novo coronavírus) e ficou entubado.

Pintinho tinha uma grande relação com o Olaria desde a infância, mas só em 1976 foi assumir seu primeiro cargo, como diretor social. Foi eleito presidente pela primeira vez em 1995, se reelegendo por mais três vezes, se ausentando em 2007 e voltando apenas em 2013. Ele iria terminar o seu sétimo mandato no final do ano que vem. Como presidente, levou o Olaria ao quinto lugar no Carioca de 1999, melhor campanha do clube até então. Como vice-presidente, nos anos 80, conquistou o que é a maior glória da história olariense: a Taça de Prata de 1981 (equivalente à atual Série C do Brasileiro). 

Pintinho deixa esposa e três filhos. O Olaria Atlético Clube, que vai disputar a Série B1 (terceira divisão estadual) no próximo ano, será assumido interinamente pelo presidente do Conselho Deliberativo, Lenivaldo Gomes da Silva.


Texto de Luiz Nascimento

Matéria publicada em 05/12/2020, às 09:55 

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.