Foto: Caio Almeida/ Bangu A.C.

Após a derrota de 2 a 0 em Bacaxá, diante do Boavista, o Bangu utilizou suas redes sociais para questionar decisões, entendidas como prejudiciais ao clube. Afirmando ter jogado melhor que o arquirrival de Saquarema, também alfinetou arbitragem, dizendo que o jogo foi "picotado" e que teve um gol mal anulado de Jean Carlos. O Alvirrubro chegou a emitir nota falando sobre injustiça no futebol.

"O Bangu jogou a maior parte do jogo no campo do Boavista. Ficou com 70% de posse de bola, mas não conseguiu converter em gols a sua superioridade. Méritos ao Boavista que se defendeu muito bem e conseguiu converter em dois gols as suas únicas chances no jogo... As vezes temos que reconhecer o mérito do adversário, nem que seja defensivo..."

Em seu perfil no Twitter, não faltaram críticas à arbitragem: "Juiz picota o jogo. Jean Carlos tenta um chute perigoso, a bola ia no gol, mas o árbitro deu falta".

No início da partida, já com 1 a 0 no placar, um gol anulado banguense gerou revolta no clube, que afirmou não estar impedido em sua rede social. Apesar das reclamações, o polêmico jogo decretou a primeira vitória do Verdão, que soma 4 pontos. Já o Bangu permanece com 3 após duas rodadas. Neste sábado (13) o Bangu volta à campo, em Moça Bonita, para enfrentar o Botafogo. Já o Boavista fará o clássico da Região dos Lagos na segunda-feira, contra o Macaé, em Bacaxá.


Texto Gabriel Oliveira

Matéria publicada em 08/03/2021 às 11:45

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.