Foto: André Soares

Após três anos, o Madureira volta a disputar uma partida da Copa do Brasil, sua última partida pela competição nacional foi no dia 31/01/2018, contra o poderoso São Paulo, na oportunidade a partida foi disputada no Estádio do Café, em Londrina, devido a falta de iluminação para partidas noturnas.

Na oportunidade o São Paulo teve um maior volume de jogo e pressionou muito o tricolor suburbano, porém a vitória foi magra, apenas 1 a 0 para o São Paulo, o Madureira desperdiçou algumas oportunidades, o que poderia mudar a história da partida, o gol do São Paulo foi marcado pelo atacante Brenner.

Na tarde de hoje, o Madureira recebe o Paysandu na Conselheiro Galvão, casa do tricolor suburbano. A partida vale a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil, em partida única, o Paysandu tem a vantagem do empate, devido a melhor colocação no ranking geral da CBF. Para o Madureira, apenas a vitória importa para a classificação.

Será o primeiro confronto entre as duas equipes, após mais de 100 anos, as duas equipes se enfrentam pela primeira vez em uma partida oficial.

Toninho Andrade, treinador do Madureira conversou com a reportagem do Cariocado e comenta sobre a preparação da equipe para essa partida.

“O trabalho não muda, a preparação para o Carioca e para a Copa do Brasil foram semelhantes, começamos nosso trabalho no dia 18 de janeiro visando as duas situações.”

Ele comenta sobre a dificuldade de encarar a equipe paraense.

“Paysandu é uma grande equipe no cenário nacional, encaramos como um jogo de grande dificuldade, mas estamos dispostos a surpreender. A sequência dos jogos acaba atrapalhando a preparação, gostaríamos de ter um tempo maior”.

Toninho comenta sobre a importância dessa classificação na Copa do Brasil.

“Aumenta a visibilidade para clube, atletas e comissão técnica. Parte financeira também é muito importante, principalmente devido ao calendário extenso, poderá dar uma tranquilidade financeira para o ano todo. Esperamos fazer um bom jogo e passar de fase”.

O treinador do tricolor ainda comentou sobre o favoritismo dado ao Paysandu para esta partida.

“Paysandu tem uma vantagem de jogar por dois resultados, mas o Madureira tem a vantagem do fator casa, conhecer o campo sempre é muito bom, tem os dois lados da moeda. Tudo pode acontecer na partida de hoje, entendo como uma situação normal, a gente espera fazer valer a vantagem de jogar em nossa casa.”

Madureira e Paysandu se enfrentam hoje (10) às 15:30 no Estádio Aniceto Moscoso e busca a classificação para a segunda fase, a segunda fase traria um lucro para os cofres do Madureira de 675 mil reais, além dos 560 mil já conquistados pela participação na primeira fase, boa grana aos cofres do Madureira que ajudaria muito a temporada do tricolor suburbano.

Texto de Caio Bezerra

Matéria publicada em 10/03/2021 às 09:30

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.