Foto: Gabriel Freitas

A equipe do Gonçalense recebeu no estádio Luso-Brasileiro a equipe do Campos, que já tinha seu rebaixamento decretado na competição. O Gonçalense precisaria vencer por sete gols de diferença para garantir sua classificação para as semifinais da Taça Corcovado. Missão quase impossível, tendo em vista que a maior diferença que a equipe havia vencido durante toda a competição, havia sido de dois gols.

Na primeira etapa o Gonçalense foi para cima e dominou a partida em seu campo de ataque, não dando possibilidades para a equipe do Campos atacar. A primeira etapa o Gonçalense encerrou vencendo por 2 a 0, gols de Sorriso e Magé. 

No início da segunda etapa Luam marcou o terceiro gol do Gonça, dando um sopro de esperança à torcida e à equipe. Mas após o terceiro gol as desatenções defensivas da equipe acabaram custando caro. Foram dois gols sofridos em menos de dez minutos, marcados pelo meia campista Shaider, que cessaram qualquer possibilidade de classificação do Gonçalense.

Final de partida no Luso-Brasileiro, Gonçalense 3 X 2 Campos.

Texto de Caio Bezerra

Matéria publicada em 26/11/2020, às 08:53

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.