Foto: Jhonatan Jeferson/Agência Ferj

O duelo entre Friburguense e Americano aconteceu nessa quarta-feira (20), em Nova Friburgo, no Estádio Eduardo Guinle, casa do Frizão. Os mandantes precisavam da vitória para reagirem logo na Seletiva, visto que perderam na estreia contra o Nova Iguaçu. Pelo lado visitante, o Alvinegro de Campos veio de um grande triunfo contra a Cabofriense, onde marcou o gol derradeiro aos 48 do segundo tempo, conquistando os três pontos. 

A primeira etapa começou com um Friburguense mais propositivo, mas sem muita organização. Isso permitiu que o Americano usasse frequentemente as laterais do campo. E foi assim que surgiu o primeiro gol da partida. Jeffinho fez boa jogada, cruzou e Lucas Duarte cabeceou com muita qualidade para o fundo da rede. Foi o segundo gol do atacante alvinegro, iniciando muito bem a competição. Os visitantes continuaram aproveitando as jogadas de bola parada e as beiradas, e o Friburguense parecia não conseguir dar um jeito de revidar. As únicas chances do Tricolor da Serra vinham de chuveirinhos, mas não levavam muito perigo. Aos 44, porém, Ricardinho faz boa jogada e cruza para Jhonatan. O atacante teve toda a tranquilidade para empatar o placar.

Para a segunda etapa, a expectativa era que ambas as equipes buscassem os três pontos. O Friburguense parecia buscar mais o resultado, enquanto o Americano não conseguia se encontrar. O domínio dos mandantes foi claro, mas acabou não resultando em grandes chances, esbarrando em alguns momentos em erros simples. O Alvinegro só foi se recuperar perto dos trinta minutos, pouco tempo depois da entrada de Pepeu. As beiradas do campo continuaram sendo a melhor opção, mas o time pecou muito na qualidade das finalizações. O final da partida foi marcado por um show de cartões amarelos, foram quatro em vinte minutos. O resultado de 1 a 1 acabou sendo justo para o que os dois times apresentaram, mas foi ruim para ambos em questão de continuidade da competição.

Ao final da segunda rodada, o Americano ocupa a segunda colocação com quatro pontos, atrás apenas do Nova Iguaçu, líder com seis. A equipe de Campos enfrenta o Sampaio Corrêa na próxima rodada e terá o mando da partida, em Cardoso Moreira, às 15h de sábado (23). Já o Friburguense, a equipe tem apenas um ponto e enfrenta a Cabofriense, fora de casa, também às 15h de sábado. A vitória é fundamental para que o Frizão tenha alguma pretensão de se classificar para a fase principal da Série A1.

Texto de Hugo Lage
Matéria publicada em 20/01/2020, às 19:00

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.