Divulgação: Americano FC

A tão aguardada Seletiva começou nesse sábado (16), às 15h, e foi marcada por uma grande partida entre Americano e Cabofriense, jogada em Cardoso Moreira, no Estádio Antônio Ferreira de Medeiros. O mando era do Alvinegro de Campos e a disputa colocou duas equipes muito fortes, e também cotadas para conquistarem o acesso à Série A1. 

Tanto Americano quanto Cabofriense entraram em campo na busca pelo resultado e o primeiro tempo fez jus ao que se esperava. Com menos de 10 minutos, o lateral do Cano, Pacajus, apareceu como elemento surpresa na área da Cabofriense e cabeceou muito bem, abrindo o placar para os mandantes. A Cabofriense foi crescendo aos poucos na partida até que, aos 20 minutos, chegou ao empate. O gol foi uma infelicidade do zagueiro Espinho, que acabou jogando contra o próprio patrimônio. O calor começou a pesar um pouco, mas as ações voltaram a ser dominadas pelo Americano. A equipe mandante conseguiu fazer seu segundo gol em bom contra-ataque. Sorriso arrancou bem, chutou de longe. A bola acabou desviada e parou nos pés de Lucas Duarte. O jogador só teve o trabalho de invadir a área e tirar de George. Poucos minutos, porém, mais um azar da defesa alvinegra. Natan, jogador da Cabofriense, fez lindo lance pelo lado esquerdo e colocou a bola na área. Em mais um lance acidental, Paulo Vitor fez o segundo gol contra e o placar apontou 2 a 2 ao final da primeira etapa.

O segundo tempo começou com intenso calor em Cardoso Moreira. Esse elemento foi fundamental para mudar muito o nível da partida. Sendo a estreia das duas equipes, o condicionamento físico e ritmo de jogo estão longe do ideal. E a temperatura altíssima também fez o jogo cair demais. Pouco se criou, ambas as equipes sentiram muito a situação. Os treinadores tentavam fazer mudanças táticas, substituições, mas pouco parecia mudar. O jogo só voltou a ter emoções pouco depois dos 30 minutos, quando Lucas Cunha fez falta dura em Digão e, dessa forma, recebeu seu segundo cartão amarelo. O jogador deixou a Cabofriense com um a menos para os últimos minutos de jogo. A equipe do Americano conseguiu pressionar e, já nos acréscimos, Pepeu anotou o gol da vitória, ele que entrou no decorrer da etapa final e não conseguiu aparecer muito. Foi decisivo e garantiu os primeiro três pontos dos mandantes. 

Agora o Americano enfrentará o Friburguense fora de casa. A partida será às 15h na quarta-feira (20). A equipe de Nova Friburgo foi derrotada por 1 a 0 na estreia e quer começar a somar pontos o quanto antes. Já a Cabofriense, pegará o America. O jogo também será quarta-feira, às 15h. O tricolor praiano pensa em se recuperar dessa derrota dolorida, e o time rubro também está em busca de sua primeira vitória. O America empatou com o Sampaio Corrêa em casa.


Texto de Hugo Lage
Matéria publicada em 15/01/2020, às 18:40

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.