Foto: Alexandre Neto

Madureira e Resende se enfrentaram na Conselheiro Galvão, em partida válida pela terceira rodada do Carioca.

O Madureira, desde o início da partida teve domínio da partida e chegou com mais perigo ao gol da equipe do Resende. O Madureira pecava muito nas finalizações e não conseguia abrir o placar. No final da primeira etapa, o goleiro da equipe do Resende, Jefferson Luís foi expulso após forte entrada no atacante Luiz Paulo, do Madureira, o jogador estava frente a frente com o goleiro e a chance de gol era clara, o goleiro optou por matar a jogada e foi expulso corretamente. O goleiro reserva, Fraga, entrou e resolveu a partida para o Gigante do Vale.

A segunda etapa iniciou com um amplo favoritismo do Madureira, com a igualdade entre os jogadores a equipe já estava melhor, com um a menos a tendência era o Madureira se mandar para o ataque e abrir o placar em questão de tempo. O Madureira realmente foi muito melhor no segundo tempo, muita pressão e muitas jogadas que levaram perigo ao setor defensivo do Resende. O Resende contou com a falta de pontaria do tricolor suburbano, e com uma tarde inspirada do goleiro que havia entrado após a expulsão de Jefferson Luís, Fraga deu conta do recado e fez defesas difíceis, garantindo o empate que nas circunstâncias do jogo era considerado um bom resultado para os visitantes, afinal, com um a menos a partida foi levada na base da superação. A partida encerrou com o zero a zero no placar.

O resultado deixou o Resende na sétima colocação da Taça Guanabara com quatro pontos, já o Madureira ocupa a nona colocação com três pontos, a equipe ainda não venceu neste Estadual.

O Resende volta a campo na próxima sexta-feira (19) às 21:00 contra o Flamengo no Maracanã. Já o Madureira entrará em campo no domingo (21) às 15:30 contra a Portuguesa-RJ na Conselheiro Galvão.

Texto de Caio Bezerra

Matéria publicada em 15/03/2021 às 14:35

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.