Foto: Divulgação

Estão definidos os finalistas da fase principal do Campeonato Carioca. Após o empate entre Vasco e Boavista, por 2 a 2, a Portuguesa, 4ª colocada na tabela geral, não pode mais ser ultrapassada e garantiu a sua vaga no mata-a-mata da competição pela primeira vez em sua história. Ao lado do time da Ilha do Governador, estarão Volta Redonda, Flamengo e Fluminense. 

A última rodada decidirá os confrontos das finais do Estadual. Segundo o regulamento, o 1º colocado enfrentará o 4º, e o 2º enfrentará o 3º. Todos em jogos de ida e volta. E detalhe: o 1º e o 2º colocado na tabela geral terão a vantagem do empate na semifinal do mata-a-mata. Na finalíssima, não haverá qualquer tipo de vantagem por saldo de gols. Além disso, o 1º colocado na classificação geral será considerado o campeão da Taça Guanabara. O Volta Redonda ocupa a liderança atualmente, com 21 pontos, mas enfrenta o Flamengo, que tem 20, na última rodada, no Maracanã. Portanto, o confronto pode decidir o campeão da Guanabara e o 1º lugar na classificação geral. 

Se o Cariocão acabasse hoje, por exemplo, o Volta Redonda seria o campeão da Taça Guanabara, e enfrentaria a Portuguesa em uma das semifinais. A outra semifinal seria um clássico entre Flamengo e Fluminense. Porém, é claro, os resultados da última rodada podem modificar essa dinâmica. 

Enquanto isso, o Fluminense corre por fora. Com 19 pontos, o tricolor ainda tem chances de título da Guanabara, mas precisa torcer por um empate entre Volta Redonda e Flamengo, além de vencer o seu jogo contra o Madureira. A Portuguesa, com 18 pontos, é o único time do G4 que não tem mais chances de título da Guanabara. 

Os times abaixo do G4 na tabela, do 5º ao 8º, disputarão um outro mata-a-mata que decidirá o campeão da Taça Rio. No momento, os quatro times são Madureira, Vasco, Nova Iguaçu e Botafogo. Resende e Boavista ainda têm chances de entrar no quadrangular, precisando vencer seus jogos e torcer para um tropeço do Botafogo na última rodada.


Texto de Victor Leal

Matéria publicada em 19/04/2021 às 12:00  

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.