Foto: Divulgação

O atacante Pedro tem brilhado com a camisa do Flamengo nesta temporada, tendo feito muitos gols e sendo o artilheiro da equipe. Com o sucesso do artilheiro, o rubro-negro tem como prioridade acertar definitivamente a compra de Pedro junto à Fiorentina (ITA)

Para exercer o direito de compra, o Fla precisa pagar um total 12 milhões de euros (cerca de R$ 79 milhões. Deste valor, o clube está abatendo o valor de  2 milhões de euros (cerca de R$ 13 milhões), referentes ao empréstimo. Restaria ao clube o pagamento de mais 10 milhões de euros (R$ 66 milhões)

Apesar de aparecer para o futebol brasileiro no Fluminense, sendo inclusive revelado pelas categorias de base do tricolor, Pedro teve passagem anteriormente pelo juvenil do Artsul, em 2003. E o clube, que hoje disputa a série B1 do Campeonato Carioca, pode ser beneficiado com a possível concretização da compra. 

Com a venda de Pedro para a Fiorentina, o Fluminense manteve 20% dos direitos, porém, os lucros serão divididos com o Artsul. 

Desta maneira, se Pedro for vendido ao Flamengo, Fluminense e Artsul teriam o valor de R$ 12 milhões a dividir (R$ 6 milhões cada). 

Além desse valor, o Artsul ainda irá receber um percentual pequeno pelo mecanismo de solidariedade com o clube formador. Esse valor pode chegar a 5%, dependendo do tempo em que cada atleta atuou na base de cada agremiação.


Texto de Pedro Sodré

Matéria publicada em 06 de Novembro de 2020, ás 18:55.

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.