Foto: Diego Andrade

Depois de anunciar o retorno do goleiro Deola e a chegada do experiente Richarlyson, o America anunciou, via redes sociais, mais 8 nomes para a disputa da Seletiva do Campeonato Carioca. Além de Deola, Felipe Bastos também foi contratado para a meta. Com 22 anos, ele contrapõe a experiência e rodagem do provável titular. Fez a base pelo Botafogo-SP, passou pela Francana-SP e estava no Pinheiro- MA. Eles se juntam a Gabriel Palma, voltando de empréstimo do Araruama.

Para o setor defensivo, o clube trouxe dois zagueiros. Novamente, optaram por contratar nos dois lados da balança, com experiência e juventude se completando. Lucão, zagueiro de 22 anos que estava disputando a Série D com o Central-PE, chega junto com outro velho conhecido do torcedor, Wallinson. Neste ano, ele também jogou na 4ª divisão do futebol brasileiro, mas pelo Rio Branco-AC. 

São outras três novidades no meio. Para o setor, o America optou por atletas com mais bagagem. Hygor, de 31 anos, já passou por Bangu, Náutico e outros clubes no Brasil, Portugal e Líbano. Seu último clube foi o KF Vllaznia Shkoder, da Albânia. Djalminha, de 32, que atuou nos dois últimos jogos do estadual após a paralisação, está de volta após breve passagem pelo Canaã, da Bahia. O terceiro é o jovem Rômulo, de 22 anos, revelado pelo Fluminense. Em 2020, atuou pelo Toledo-PR na campanha da Série D. 

Na parte da frente, dois atacantes. Outra vez, a diretoria utilizou a estratégia de mesclar um veterano com um “garoto”. Pedro, de 21 anos, revelado pelo América-MG, ele passou o ano de 2020 no Passo Fundo-RS. O outro atacante, assim como o zagueiro Lucão, veio do Central. Leandro Costa tem 35 e fez 4 gols na Série D deste ano.

Além das contratações, o clube também terá de volta jogadores que foram emprestados a outros clubes. O lateral Caio Pacheco estava no Serra Macaense, o volante Franck e o meia Knupp jogaram no Bonsucesso em 2020. Outro meia, Guilherme Silveira, havia sido emprestado ao Coruripe-SE. Tirando Franck, de 22, todos têm 21 anos. Os meias Agú e Renanzinho, o zagueiro Giulliano e o atacante Marquinho são outros garotos que saem da base do America para o profissional. 

O America começou a sua preparação para o Campeonato Carioca nesta segunda-feira. O clube tem duas metas ousadas para o próximo ano: se classificar para a fase principal do campeonato e conseguir, pelo menos, um sexto lugar, visando uma vaga na Série D. Na apresentação, 38 pessoas fizeram o teste da Covid-19. Duas testaram positivo e foram isoladas.


Texto de Caio Moreno

Matéria publicada em 22/12/2020, às 21:07

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.